Resenha: Amor em Jogo - Anaté Merger


Oi gente, tudo bem?

A resenha que trago hoje é do livro Amor em Jogo, da autora parceira aqui do blog: Anaté Merger. Quer saber mais um pouco sobre ela? Clica.

Título: Amor em Jogo
Autor(a): Anaté Merger
Ano: 2014
Páginas: 378
Editora: Ases da Literatura

Sinopse
Aos vinte anos, Alix perdeu os pais, a fazenda onde morava no interior da Provence e toda a esperança de ter um futuro.
Sem saída e rezando por um milagre, ele surge na forma de um emprego que parece ser extraordinário: durante três meses, ela vai trabalhar em uma mansão com vista para a baía de Saint-Tropez por um salário milionário.
O proprietário é Clif Forestier, um astro do cinema excepcionalmente belo, extremamente rico e cinicamente sórdido. O oposto de Nathan, um jovem comerciante sensível e cativante, por quem ela começava a sentir algo especial até que o encontro explosivo com o ator desperta em Alix sensações que ela desconhecia.
O verão começa e, aos poucos, ela percebe que é apenas uma carta do baralho no qual luxo, mentiras e sexo fazem parte de um contrato que coloca muito mais do que a sua dignidade em jogo: se quiser descobrir e ganhar quem realmente ama, Alix vai precisar enfrentar os seus demônios e apostar alto.
As cartas estão na mesa. Uma nova partida da "Confraria de Ases" vai começar! 

Resenha

Alix é uma jovem que aos 20 anos se vê sem chão. Anos antes perdera o pai e agora tem que lidar com o fato de ter perdido a mãe, e o pior, antes de morrer sua mãe afundara-se em dívidas a ponto de perder também a fazenda em que ela sempre morou, fanzendo-lhe prometer que recuperaria o seu lar.


Sem família, sem dinheiro e sem ter onde morar, Alix só tem a esperança de cumprir a promessa que fez a sua mãe. A oportunidade vem com o reencontro de Trixie, uma amiga de infânicia que se tornou uma modelo renomada. Trixie lhe oferece ajuda para procurar um emprego e a convida para morar com ela em Saint-Tropz.

Com uma nova perspectiva de vida, Alix arruma as malas e parte para Saint-Tropz, lá ela conhece Zoe, amiga de Trixie, que se prontifica a ajudá-la também, passa por uma tranformação de visual e conhece Natan, um comerciante simples por quem logo se sente atraída.
Após tantas tentativas de emprego frustradas, Alix recebe uma proposta de trabalho da Confraria de Ases: trabalhar durante três meses na casa de um famoso chamado Clif Florestier. O salário seria o suficiente para recuperar sua fazenda,  Alix não exita em assinar o contrato (sem lê-lo completamente). Agora ela é a Dama de Espadas, após começar a trabalhar ela percebe que talvez a função das "Damas" não seja somente cuidar da mansão. Mas agora já é tarde, ela faz parte de um jogo que envolve dinheiro, mentiras e sedução.

"Às vezes, a verdade tem muitos disfarces e, para descobri-la, você precisa ter coragem para tirar as máscaras, inclusive a sua".

Alix se vê numa situação complicada ao perceber as inteções de seus empregadores. Ela não pode quebrar o contrato, pois além de não conseguir recuperar a fazenda, ela ficaria com uma dívida enorme que não teria como pagar.
Apesar de tudo isso, ela começa a sentir atração pelo sexy, sedutor e enigmático, Clif Foresteir. Sentimento que ela tenta negar durante a maior parte do livro. Pois, ela já está envolvida com o carinhoso e carismático, Nathan. Assim ela se vê envolvida em um "triângulo" amoroso.

Alix é uma personagem cativante, porém ingênua demais e isso me irritou. Sua ingenuidade somada ao fato dela confiar em todos contribuiu para que ela caisse numa armadilha. Muitas vezes ela preferia fechar os olhos para detalhes importantes, isso me fez querer sacudí-la! Uma desconfiançazinha ás vezes não faz mal a ninguém. Já no final do livro que ela começou a mudar, amadureceu e ficou mais confiante de sí. Depois de mi irritar um pouco, foi bom ver a evolução da protagonista.

"Ele é doente, só pode ser isso...Doente...,pensa Alix tentando controlar os sentimentos que a fazem tremer como se tivesse diante do homem que ama. Não pode ser...Não pode ser ou sou tão doente quanto ele..." (p.264)

Fico encantada quando leio um livro bem detalhado que é ambientado em um país diferente. A Anaté conseguiu me conquistar com a história ambientada na Provence. Saint-Tropz é uma cidade encantadora e com os detalhes passado pela Anaté é impossível não sentir vontade de conhecê-la.
A escrita da autora é detalhada e fluida. Te prende do inicio ao fim do livro.

O enredo foi muito bem desenvolvido, com personagens bem construidos e reviravoltas surpreendentes. O rumo que a Anaté dá para a trama não é algo previsível, isso com certeza foi o ponto forte do livro. O final é bastante satisfatório.


Amor em Jogo é recomendado para quem gosta de romances com enredo envolvente, misterioso, surpreendente e com a medida certa de sensualidade. Com a escrita fluida da Anaté, a leitura pode ser concluida rapidamente. Mergulhem nessa história e descubram o quanto o amor pode modificar o jogo.

19 comentários:

  1. Oi
    Curti a resenha, tenho o e-book aqui e assim que tiver tempo vou querer ler ele, pois parece ser uma história envolvente e a escrita da autora também. Que bom que gostou em ler, como ela resolvera esse triangulo.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Denise, espero que consiga um tempinho para ler mesmo, adoraria contar com a sua opinião. Um beijo!

      Excluir
  2. Oii!!

    Sou bem curiosa para ler esse livro. Já encontrei algumas resenhas sobre ele, mas algo mais me chama a atenção. Quero descobrir essa história.

    beijos

    http://mundo-restrito.blogspot.com.br
    @rs_juliete

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliete, que bom que se interessou! Depois me conta o que achou da historia. Beijo!

      Excluir
  3. Oi Eliana, tudo bem? Muito obrigada pelas palavras carinhosas. Que bom que gostou da maneira como a Alix cresceu e lutou para ficar com quem ela amava realmente. Um beijo e até a proxima aventura!

    ResponderExcluir
  4. Oie! Já vi algumas resenhas tão positivas como a sua desse livro na blogosfera, só quee por mais que falem bem, eu não interesse algum em ler, a começar pela capa que eu não gosto nem um pouco :/

    Mas mesmo assim, parabéns pela resenha e sucesso pra autora! ^^

    Bjs!

    Leitura Silenciosa | Blog | FanPage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jhonatan, tudo bem? Capa é uma verdadeira dor de cabeça. Achar uma imagem que represente bem toda uma historia e fuja do lugar comum é um desafio. Por isso tentei resumir o que acontece com Alix: St-Tropez em pano de fundo, a gaiola dourada, o cadeado em forma de coração, o jogo. Se conseguir passar a barreira da capa, adoraria conhecer a sua opiniao sobre a historia. Um abraço!

      Excluir
  5. Oi, Eliana!
    Eu não conhecia o livro, mas fiquei interessado. Personagens demasiadamente ingênuas irritam mesmo. Concordo com você.
    Espero ler em breve e não me decepcionar.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leandro, tudo bem? Seria otimo contar com a sua opiniao sobre a historia, nao me lembro de ter lido uma resenha com o ponto de vista masculino. Quem sabe você nao é o primeiro? Beijo!

      Excluir
  6. Oi, Eliana! Tudo bem? Assim como o Jhonatan, eu também não gosto dessa capa! :/ E sem falar que fiquei com um pouco de receio para ler o livro quando você falou que a personagem é mega ingênua! Detesto personagens assim! kkkk Mas enfim, adorei a resenha! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tony, tudo bem? Estou aguardando ansiosa uma resenha com o ponto de vista masculino, adoraria contar com a sua opinião! Beijo!

      Excluir
  7. Oi, Eliana!

    Olha, essa é a segunda resenha desse livro que leio e tive a mesma impressão que tive da outra vez. "Amor em Jogo" parece ser um daqueles livros de leitura rápida e despretensiosa, sem uma graaaaande história por trás, mas que é divertido, envolvente e bom para passar o tempo!!!

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  8. Olá, já li esse livro e gostei bastante. É um história leve e de fácil leitura. O tipo de livro que a gente lê em um dia, flui muito bem. Tive as mesmas impressões que você.

    Beijo.
    www.tendadoslivros.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Daiana, querida, mais uma vez muito obrigada pelo carinho. Beijo!

      Excluir
  9. Oi! :)
    Já vi algumas resenhas desse livro por aí e gostei muito do feedback positivo dos leitores, mas acho que não é uma leitura para mim. Quem sabe eu não me surpreenda? A história parece ser boa. Só me incomodei um pouco com a capa. Mas não vou julgar por ela é claro :)

    Gostei muito da sua resenha!
    Abraço!

    http://blogliterando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá,
    Realmente não curto esse tipo de livro, por isso nem me interessei pela história, mas preciso elogiar a capa que não é vulgar, nem óbvia e saiu do "padrão"
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, Eliana!
    A Anaté também é parceira lá do blog. Tenho o ebook aqui e pretendo ler em breve. Gosto bastante de tramas que surpreendem e que não são previsíveis. E um romance sempre cai bem, né?!

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  12. Olá!

    Eu não conhecia esse livro mas até gostei do enredo. E acho que é uma leitura leve com uma doce certa de drama para uma noite fria.
    Acho que livros tem que ser com detalhes na medida certa, e principalmente quando se passa em outros lugares, tem que descrever o ambiente sem ser cansativo.
    Vou deixar anotadinho aqui para comprar em breve ;)


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  13. Esse livro já está na minha lista de leitura e essa resenha me deixou ainda mais interessda em conferi essa história, curto muito um romance com enredo envolvente, misterioso, surpreendente e com a medida certa de sensualidade, um dia desses ele estava de graça na Amazom ai claro que baixei.

    ResponderExcluir