[Parceria] Autora Ana Carolina Almeida Souza


Olá gente, tudo bem?

Vocês já devem ter percebido que a parceria do blog com autores está crescendo cada vez mais, estou adorando conhecer esses talentos nacionais. Só tenho á agradecer cada um, pela confiança.
Enfim, dessa vez venho apresentar a Ana Carolina, autora da trilogia A Irmandade das Olívias.

Vamos conhecer mais sobre autora e sua obra?


Sobre o Livro
Trata-se do primeiro livro de uma trilogia. A cada 50 anos uma Olívia é escolhida para continuar a missão que Olívia Yale começou ainda no século XVI, lutar pelos sonhos dos outros. Mas a Olívia do século XXI não sabe muito bem como lidar com tanta responsabilidade. Sem contar que ela acabou de entrar para a faculdade, vai ter que começar a trabalhar e ainda tem Viktor. Esta jornada está apenas começando e no meio disso tudo Olívia vai precisar ter coragem, amadurecer e aprender que nem é sempre é bom confiar nos outros.

O primeiro capítulo do primeiro e do segundo livro já estão disponíveis no site. Confiram!





Entrevista

1- Primeiramente gostaria de agradecer por ter aceitado realizar essa entrevista, e para começar você poderia dizer para gente, quem é a Ana Carolina e quando decidiu começar a escrever?




[A.C] Quem é Ana Carolina é uma pergunta tão filósofica e profunda que eu não tenho uma resposta exata para ela. Normalmente a gente responde com coisas que faz, gosta de fazer e que acha que definem a gente de algum modo, não é? Então vamos lá, tenho 23 anos, sou jornalista, atualmente faço pós graduação em cinema, sou apaixonada por séries de TV, viciada em viagens, louca pela Disney, blogueira desde 2009 e escritora desde que aprendi a escrever, rss. Como sempre gostei de contar histórias, inventar fatos e pensar em enredos e desfechos diferentes aos que eu tinha presenciado, não consigo me lembrar desde quando gosto de narrar. Escrever, como um ato mecânico, foi lá com os meus 6-7 anos que a tia da alfa ensinou o que eram os desenhos e sinais, de modo que eu pude enteder como poderia usar aquilo para contar as minhas histórias. Tenho historinhas escritas quando eu tinha 7, 8, 9 e 10 anos, mas comecei a pensar em histórias mais longas e narrativas mais completas, salvo as suas devidas proporções, com 11 anos.


 2- Como surgiu a ideia de escrever a trilogia A Irmandade das Olívias? Os personagens são inspirados em pessoas que você conhece?

[A.C] Bom, como eu disse, sempre gostei de escrever, então sempre procuro ideias e inspirações para um nova história, sendo o caso d'A Irmandade. Eu me deparei com uma história da mitologia celta que, por alguma motivo que eu não sei qual exatamente, me chamou muito a atenção e depois que eu descobri que a história tomava formas semelhantes em outras mitologias, como a nórdica, egípcia, persa e grega, resolvi que poderia usar esta inspiração e criar uma ambientação totalmente única, ao trazer esta história para o contemporenâeo. E nada melhor do que transportá-lo para um meio onde acho extremamente fértil que o começo da vida adulta. Os personagens tem muitos elementos de pessoas especiais. Alguns deles, os mais próximos à Olívia, são homenagens que eu prestei aos melhores amigos, que são melhores há muitos anos (eles sabem quem são, rss), onde eu pude captar a essencia deles ali dentro, imaginando como eles se comportariam em determinados momentos. Outros personagens são a junção de várias pessoas que passaram pela minha vida, e é claro, existem personagens que eu criei do zero. Especialmente no segundo livro da saga.


3- Sempre teve a inteção de criar uma trilogia ou a idéia veio com o desenvolvimento do livro?

[A.C] Definitivamente a ideia veio com o desenvolvimento do livro. Acho que ninguém escreve um livro já pensando que ele será uma saga, apenas a dimensão da história se amplia de tal modo, que você precisa dar mais espaço para os personagens, precisa explorar mais ainda cada elemento e precisa expandir esse mundo criado para que ali dentro circule oxigênio.


4- O que os leitores podem esperar desse primeiro livro da trilogia?

[A.C] O primeiro livro é extremamente introdutório. Tem uma proposta de reconhecimento dos personagens, compreensão inicial dos papéis desempenhados pelos envolvidos na Irmandade e, principalmente, quero que as pessoas caiam em certas pegadinhas. (rss). Pode parecer presunçoso, mas nada na história está nela por acaso, até mesmo os clichês presentes ali são importantes para o que vai acontecer em seguida. Por exemplo, até agora, das pessoas que vieram conversar comigo, só o capista do meu livro que descobriu de onde veio a inspiração para o meu livro e é esse tipo de mistério que eu quero levantar. Logo, se você leu A Irmandade, pode mandar um oi pelas redes sociais e me falar o que você achou da história e levantar as suas ideias. É para isso que o primeiro livro serve, também.


5- Sabemos que para um escritor nacional, ter seu livro publicado não é tão fácil. Quais foram as maiores dificuldades que você enfrentou para publicar seu livro?

 [A.C] Bom, um autor de primeira viagem normalmente encontra bastante trabalho para que uma editora compre totalmente a sua ideia e publique com 100% dos gastos. As editoras, normalmente, fazem parceria com autor para que ele arque com parte da publicação e que os dois saiam "ganhando". Mas agora que o processo acabou, a dificuldade é manter o interesse no livro vivo, de modo que eu consiga publicar a sua continuação. Eu tenho apostado muito em parcerias com blogueiros, justamente por acreditar que eles (no caso vocês) são a nova voz no mundo literário, especialmente aqueles que se dedicam a ler as obras nacionais.


6- Como está sendo o processo de criação do segundo livro da trilogia? Já tem previsão de lançamento?

[A.C] Está em processo de finalização da história. É uma parte da trilogia que explica muita coisa, tem diversas questões que eu preciso ponderar se estarão presentes aqui ou na terceira parte e a revisão dá bastante trabalho também. Depois vamos para a parte mais burocrática. Quero lançar pela mesma editora do primeiro, mas ainda estou em negociação com o editor chefe para chegarmos a um acordo, depois vem o processo de revisão, produção de capa e muito mais! Espero poder lançar no ano que vem :)


7- Já tem outros projetos em mente ou está se dedicando somente á trilogia?

[A.C] Uma mente de escritor dificilmente para! A gente sempre está pensando em spin-offs, histórias que poderiam ser contadas dentro da nossa primeira, novas narrativas e etc. Para não "enlouquecer" anoto tudo num caderno onde mantenho das ideias para A Irmandade e também para outras histórias. Escrevendo, escrevendo, tenho duas webséries online, chamadas "Diamante da Lua" e "Perfume de Fotos" que podem ser lidas no blog http://historiasebesteiras.blogspot.com, as quais escrevo sempre, e o segundo livro da saga, que tem me "sugado", no melhor sentido da palavra, horas a fio.


8- Quais escritores e/ou livros são suas inspirações?

[A.C] É outra pergunta capciosa! Existem diversos autores que me encantam profundamente e que eu acredito saberem contar uma história como poucos. É o caso de C.S Lewis, Licia Troisi, Kathleen McGowan, Amy Kathleen Ryan, Kiera Cass, Meg Cabot, Diana Peterfreund, José de Alencar, Raphael Dracon, Richelle Mead entre outros. Como você pode ver são escritores que escrevem muito bem no ambiente de fantasia e sobrenatural, mas como inspiração direta para a história, não tive nenhum livro, além dos de mitologia, propriamente ditos.


9- Em quais redes sociais poderemos te encontrar?

[A.C] Se quiserem me encontrar como autora, podem me adicionar no face e no twitter, ambos /oliviayale; caso queiram encontrar as redes da Irmandade, podem acessar ao site oficial airmandadedasolivias.com, o face /airmandadedasolivias ou o skoob http://www.skoob.com.br/livro/321391-a-irmandadedas-olivias.
Se quiserem ter acesso ao que escrevo como jornalista, podem acessar ao http://mesadecafedamanha.blogspot.com - meu blog pessoal.


10- Por fm, que mensagem você deixaria para quem está começando agora ou pensa em começar a  escrever um livro?

[A.C] O maior conselho que posso dar é ter força de vontade e muita disciplina para escrever. É verdade que uma boa história precisa de uma boa ideia para se iniciar, mas se você não se envolve no processo, sua história talvez nunca saia do papel, ou mesmo da sua mente. A publicação é sempre um caminho cheio de obstáculos, então aí mesmo que você precisa ter certeza que quer fazer isso e seguir por esse caminho, sempre lembrando que você é o responsável pelo seu marketing.



É isso gente. Em breve teremos a resenha do livro.
Beijos


18 comentários:

  1. Não conhecia a autora, mas me pareceu ser uma fofa. Adorei a premissa do livro, me deixou curiosa! haha E parabéns Eli, pelas parcerias. Que venham mais realizações para Construindo Estante <3
    Adorei as inspirações da autora, são autores diferentes, de gêneros diferentes. E que cá entre nós, adoro. ^^ No aguardo pela resenha.

    Beijos
    As minhas leituras - Lendo e Apreciando

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia, mas muito fofa. 23 só e já está na pós, já tem o livro... dedicada!!
    Adorei tudo aqui, seguindo!
    Beeijos

    Blog Coisas da Juu

    ResponderExcluir
  3. Que fofa!! Nossa, tudo de bom pra ela e a gente tá aqui aguardando a resenha, Eli! Parabéns pela nova parceria, que tudo dê certo e cresça cada vez mais no blog! Beijosss
    http://rabiscosecenas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olha tenho que confessar que já tinha visto o livro dessa autora em algum outro blog e fiquei bastante interessada quando li sua sinopse, até porque a história me pareceu bastante interessante. Como se fosse uma viagem no tempo e isso me agrada bastante. Mas eu ainda não tive a oportunidade de ler e nem mesmo de pesquisar no skoob sobre ele. Mas eu adorei e te parabenizo não só pela parceria, mas também pela bela entrevista que vc fez com a autora, que aliás, é muito bonita =] Parabéns. Que faça muito sucesso e que o livro seja bastante reconhecido por todos os leitores.

    beijinhos

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. oi, tudo bem?
    Parabéns pela parceria. Não conhecia a autora, mas gostei da premissa do livro.
    E achei legal a resposta dela sobre a história desenvolver e então virar uma série. Realmente achava que a maioria das série já nasciam de uma ideia do autor fazer uma série, rs

    beijos
    meumundinhoficticio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pela parceria! Aguardo resenha! :D
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  7. parabéns pela parceria, pelo apoio e incentivo à literatura nacional

    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Lia!
    Mais uma!!! Uhuuuuul \o/
    Muito sucesso :*

    ​​​​​​LiteraMúsicas - Tem promoção especial de Halloween lá no blog. Não fique de fora!

    ResponderExcluir
  9. Nossa que legal! É sempre bom ter novas parcerias *--*
    muito sucesso as duas ^^
    http://muchdreamer.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá Eliana!!!!
    Parabéns pela parceria! A autora parece ser muito fofa e o livro muito que me interessou! A história parece ser daquelas que nos envolvem desde o começo! Ficarei aguardando a resenha...

    Beijos
    http://estantedafer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Ola
    Parabéns pela parceria o livro dela parece ser interessante.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Minhas felicitações pela parceria Eliana! O livro da Ana parece ser bem interessante e criativo. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  13. Parabéns pelas parcerias!
    Eu a recem to na minha primeira, e estou muito feliz!
    Seguindo no blog!
    Bjs da Le
    Le Versos & Controvérsias

    ResponderExcluir
  14. Oi.
    Muito bacana essa ideia de divulgar a parceria trazendo junto a entrevista, dessa forma pude conhecer bem mais sobre a autora, seu livro e um pouco do processo de criação.
    Parabéns e sucesso pra ambas com essa parceria.

    Beijos.
    Leituras da Paty


    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  15. Oiiii Eliana, tudo bem?
    Meus parabéns pela parceria. Que ela dure muito e sempre traga boas novas =D
    Eu não conhecia o livro, mas achei a premissa bem legal. E sendo nacional, eu já amo né? hehehhe
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi, Eliana!
    Parabéns pela parceria, eu ainda não conhecia a autora, mas pela entrevista pude perceber que ela é uma fofa e, além disso, super esforçada. Desejo muito sucesso para ela e, óbvio, para você também.

    Beijos!

    Books and Movies
    www.booksandmovies.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Primeiramente, parabéns pela parceria, Lia!
    Adorei a sinopse, conforme fui lendo a entrevista da autora, as coisas que ela falou sobre o processo de criação fiquei ainda mais curiosa, o livro parece ser maravilhoso!! *-*
    Beijinhos
    Link da resenha de Misery:http://diariodeumalivromaniaca.blogspot.com.br/2014/10/mes-do-halloween-resenha-do-livro.html?m=0

    ResponderExcluir
  18. Oi Eliana,
    obrigada pela postagem, fiquei muito feliz com a nossa parceria e com a entrevista que você fez. Espero que as pessoas que se interessaram pela história leiam a sua resenha e se interessem mais ainda.
    beijo grande e estou ansiosa pela sua resenha.

    ResponderExcluir