Resenha: Extraordinário - R.J. Palacio


Sinopse

August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência um, ele é um menino igual a todos os outros. 
August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência um, ele é um menino igual a todos os outros. 

Resenha

Terminei a leitura e me perguntei: Como vou resenhar esse livro?
Sabe quando você termina um livro e não encontra palavras para descreve-lo? Exatamente o que eu senti.



August é o nosso protagonista, um garoto de 10 para 11 anos de idade. Ele poderia ser considerado "normal" a não ser pelo fato de ter nascido com uma síndrome genética que deformou seu rosto.
Ele passou a maior parte da infância submetendo-se  a cirurgias para melhorar sua condição, por isso foi educado em casa pela mãe, até ela decidir que já estava na hora dele começar á frequentar uma escola.
A principio Auggie nega-se a ir. Já é difícil começar o quinto ano em uma nova escola sendo um aluno "normal", imagina começar sendo aluno novo e em sua "condição" tendo que lidar com os olhares tortos das outras crianças.

Ele tem plena consciência do impacto que causa á primeira vista nas pessoas. Porém ele é tão divertido, inteligente e age tão normal, que não temos noção da dimensão da deformidade do seu rosto, até sentirmos as reações das pessoas ao vê-lo pela primeira vez.

E isso me faz pensar em quantas vezes eu já reagi da mesma forma ao ver pessoas que não tem os padrões que digamos ser "aceitáveis".
Tenho plena consciência de que já virei o rosto, olhei de soslaio, fiquei encarando ou simplesmente desviei o olhar ao me deparar numa situação assim, acho que todos nós já fizemos isso.
E esse foi um dos motivos por eu admirar a coragem de Auggie e o modo como ele passa a encarar tudo isso.

"Cada aula nova era nova uma oportunidade para as crianças "não olharem" para mim. Elas me espiavam por trás dos cadernos ou quando eu não estava olhando. Evitavam esbarrar em mim a qualquer custo, dando a volta e pegando o caminho mais longo, como se eu tivesse algum germe que elas pudessem pegar; como se meu rosto fosse contagioso." (p.68)

Com uma linguagem simples o livro nos encanta principalmente pela narração ser intercalada entre os diversos personagens, assim temos uma perspectiva maior do livro e do impacto que Auggie causa na vida das outras pessoas.

A maioria dos personagens são cativantes, os pais do Auggie, sua irmã Via, o namorado dela Justin , Miranda, Jack Will, Summer e o diretor da escola Sr. Buzanfa pode rir. Todos eles contribuem para que a obra seja tão fantástica.

Não espere nenhum tipo de ação, romance ou reviravoltas impressionantes no livro. O fato dele ser simples e, conter muito para se levar na vida dessa simplicidade é o que o torna especial.

A autora acertou em cheio na abordagem do assunto bullying e preconceito.
Que não vêm somente das crianças mas, também dos adultos, os pais que não aceitavam que os filhos estudassem na mesma escola que uma criança "diferente", chegando a alegar até que a escola não tinha estrutura para receber tal aluno. Porém como eu eu já disse, o Auggie não é um deficiente, ele é inteligente, divertido, esperto e não precisa de nenhum tratamento especial, só quer ser tratado como qualquer criança normal.
Vemos ele conquistar isso e crescer bastante no decorrer da leitura.

O livro mostra como algumas pessoas podem ser cruéis. Mas, também mostra como outras tem a capacidade de espalhar a bondade e gentileza.

"Coragem. Bondade. Amizade. Caráter. Essas são as qualidades que nos definem como seres humanos e acabam por nos conduzirá grandeza." (p.305)

 Outra coisa que adorei no livro foram os preceitos do Sr. Browne (professor do Auggie), que nos fazem refletir bastante durante a leitura.
Conceitos valiosos sobre o amor, a amizade e família, nos são apresentados de maneira que nos marcam para toda vida.

“Quando tiver que escolher entre estar certo e ser gentil, escolha ser gentil."(p.55)

A autora não poderia ter escolhido melhor título para o livro. Você termina a leitura com um único pensamento:  Extraordinário!

Concluindo, o livro é uma verdadeira lição de vida!
Todos deveriam lê-lo e indicá-lo pelo menos uma vez. E com certeza ele merece um lugar especial nas bibliotecas das escolas.
Recomendo que leia e se apaixone por essa linda história.

Beijos



41 comentários:

  1. Esse foi um dos livros mais lindos que eu já li. É impossível não se encantar com esse livro extraordinário (impossível também não fazer o trocadilho haha).
    Adorei sua resenha. Foi ótimo relembrar um pouquinho da obra.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de setembro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Impossível não fazer, haha.
      Não tem melhor adjetivo que possa ser utilizado do que o próprio nome do livro.

      Excluir
  2. eeee! eu tenho esse livro e vou começar a ler também... minha irmã já leu, mas eu vou ler também!!

    Visita? Blog Connectada

    ResponderExcluir
  3. To louca para ler esse livro, ja vi muita gente falando dele!
    Beijos Jéssica R. Coelho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu só posso recomendar que você leia.
      Ele faz jus a sua fama.

      Excluir
  4. Olá Eliana!

    Eu ganhei esse livro ano passado, e acredite, ainda não li. Como eu trabalho atendendo pessoas sei muito bem o que você quis dizer na resenha. É meio constrangedor, sabe. Mas agora tenho mais tato e jogo de cintura kkk. Parabéns pela resenha, e prometo ler antes do ano terminar.
    Abraços

    estantejovem.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Paulo!
      Sei bem como é constrangedor.
      Leia o livro sim! Depois me diz o que achou.

      Excluir
  5. O livro me fez refletir muito também, a gente acaba olhando meio de soslaio, de lado, desviando o olhar. As vezes, na maioria delas, é involuntário. Infelizmente. Concordo plenamente com você, todos os personagens são muito cativantes. Exceto o Julian, mas depois que li o livro dele. Passei a gostar dele também. rs
    Os preceitos do professor são lindos, tô doida pra ter o livro que é em capa dura dos preceitos. E realmente deve ter um lugar ali na escola, acho que deveriam adotá-los mesmo. É um livro incrível.

    As minhas leituras - Lendo e Apreciando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda quero ler o livro do Julian, estou curiosa pra ver a história pela perspectiva dele.
      Eu também quero o livro de preceitos ♥

      Excluir
  6. Eli, já tinha ouvido falar desse livro, acho que aqui mesmo no seu blog. Nossa, maravilhoso, viu. Fiquei super interessada!!
    Um grande beijo
    http://rabiscosecenas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que se interessou.
      Leia, vai adorar.
      Beijos

      Excluir
  7. Oi Lia!
    Esse livro é um dos meus favoritos :)
    Acho mesmo que todos já passamos por essa situação de ficar olhando pra pessoa e quando ela percebe a gente simplesmente desvia o olhar. Não fazemos isso por maldade, mas não temos noção de que isso pode magoar o outro :(
    Realmente é uma verdadeira lição de vida.
    Adorei a resenha!

    Beijão
    Diego
    Literamúsicas
    P.s.: Será que só eu tenho a capa branca com as orelhas vermelhas? (a capa da primeira edição)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que isso é algo automático, e mesmo sem querer magoamos os outros.
      Eu comprei esse mês, por isso recebi essa edição, mas já vi outras pessoas com a primeira.

      Excluir
  8. Muito boa resenha.
    Esse livro deve ser ótimo!
    Gostei muito dessa quote:""Coragem. Bondade. Amizade. Caráter. Essas são as qualidades que nos definem como seres humanos e acabam por nos conduzirá grandeza." (p.305)
    No fim, o que importa são os sentimentos bons... a aparência não é nada...
    Bjs, Lu
    http://resenhasdalu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, Luiza!
      Leia o livro e você encontrará muitos outros quotes para refletir.
      Beijos

      Excluir
  9. Eu adorei esse livro e devorei ele, que bom que você gostou, a leitura é simples mais apaixonante e encantadora. Os preceitos são bons mesmos e agora tem o livro só com os preceitos.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Ahhhh esse livro é lindo demais. Um dos meus preferidos. Tem uma história super tocante e é um grande exemplo de vida.Amei a resenha

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Impossível não amar esse livro, Kel.
      Acho que todos deveriam lê-lo.

      Excluir
  11. O meu livro ta chegando to ansiosa pra ler
    ⋙ Um beijo, te espero no blog
    blog Livros com café

    ResponderExcluir
  12. Eu sempre leio comentários muito positivos sobre esse livro e tenho ficado sempre mais curiosa. Agora, depois de ler sua resenha, cheguei à conclusão de que terei de ler esse livro obrigatoriamente!

    Beijos
    http://estantedafer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendeu bem o recado, Fer! hahaha
      Leia logo, depois quero saber o que você achou.
      Beijos

      Excluir
  13. Oi, :)

    Ouvi tanto comentários positivos sobre esse livro que é impossível não ter ficado com uma vontade gigante de ler! *-*
    Parece ser sensivel e inteligente e, cada resenha que vejo só me deixa mais curiosa :)

    Beijos!
    http://letraseternasdayane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Você acredita que eu não consegui resenhar esse livro? rs
    Realmente passa toda uma lição de vida, e foi impossível não admirar a coragem e a forma como o protagonista encara a vida, tão maduro pra idade dele e como encara a sua deficiência. Acho que todo mundo deveria ler esse livro em algum ponto da vida!

    Beijos,
    Fer - http://viciosemtres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito sim Fernanda!
      Também demorei um pouco para resenhá-lo.
      O livro é incrível demais.

      Excluir
  15. Eli, também tive a mesma sensação que você ao terminar o livro! Ele não tem outra palavra que o melhor descreve além de EXTRAORDINÁRIO! <3

    Beijos,
    Caroline, do criticandoporai.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A autora nos poupou de procurar adjetivos para o livro, haha.

      Excluir
  16. Oi, Eli, conheci seu blog pelo skoob. Parabéns, ele é muito bonito! Um grande abraço!

    Nerito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Obrigada!
      Seja bem-vindo e fique a vontade para voltar sempre.
      Beijos

      Excluir
  17. Um dos melhores livros que eu já li, sem dúvidas! Incrível <3
    http://mundoemcartas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza é um dos melhores! Maravilhoso ♥

      Excluir
  18. Esse livro me fez muito bem! Me fez repensar toda minha vida e as coisas fúteis de que já fiz questão. É um livro que todos tinham que ler. Maravilhoso!
    Beijo!
    http://raciocina-comigo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro obrigatório para todas as idades.
      Uma lição de vida.

      Excluir
  19. Oi tudo bom?
    Nossa, eu devo ser a ÚNICA pessoa no universo que não gosta desse livro, não sei, achei uma história bem forçada kkkk

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para tudo!
      Vivi para conhecer alguém que não gostou de Extraordinário aheuahueh.
      Você é a primeira pessoa que vejo falar que não gostou do livro...Enfim, eu gostei bastante, mas opinião é uma coisa bem pessoal e cada um tem o direito de ter a sua né? haha.

      Excluir
  20. Amei esse livro!!!! Me emocionei do início ao fim... amei a famila de august, seus amigos, sua superação na escola!!! Tudo mexeu muito comigo!!! é um livro que vou guardar pra sempre na memória!!!

    ResponderExcluir