Resenha: Esposa 22


Olá gente, tudo bem?

Hoje vou postar a resenha do primeiro livro que li da Maratona 4 Semanas de Puro Romance.
E como eu já havia informado, o escolhido foi "Esposa 22".
Vamos lá.


Sinopse 
Alice e William Buckle se casaram apaixonados. Mas, dois filhos e quase vinte anos depois, Alice está entediada. Por isso, quando recebe um convite por e-mail para participar de uma pesquisa on-line sobre casamentos, ela aceita num impulso. Respondendo às perguntas enviadas por um pesquisador anônimo e carismático, Alice tem a oportunidade de reexaminar a história do próprio relacionamento.
Protegidos pelos pseudônimos Esposa 22 e Pesquisador 101, Alice e o condutor da pesquisa iniciam uma intensa troca de mensagens que acaba tomando um rumo cada vez mais íntimo. Numa trama que se desenvolve através das respostas ao questionário, e-mails, postagens no Facebook, mensagens de texto e até mesmo por diálogos estruturados na forma de cenas de teatro (embora sua única peça tenha sido um fracasso, Alice ainda mantém a alma de dramaturga), Esposa 22 faz um retrato honesto e divertido de uma mulher divida entre seus desejos e responsabilidades e as aventuras permitidas pelo anonimato da comunicação digital.



Resenha

O livro tem como enredo a história de Alice, uma mulher casada com Willian á quase 20 anos, que tem dois filhos e está prestes a completar 45 anos, a  sua idade "crítica" (pois foi a idade em que sua mãe morreu).



Entre cuidar de dois filhos (e dos problemas que geralmente envolve a função de ser mãe), reger uma classe de aula de teatro (onde normalmente as mães tornam-se o problema) e viver num casamento que esfriou-se com o tempo, Alice torna-se entediada com sua vida. E por consequência acaba se envolvendo numa situação inusitada.


Iniciei a leitura desse livro achando que não me identificaria com a protagonista, (afinal não sou casada, não tenho 45 anos, tampouco filhos), porém quando vi que ela gostava de bater papo no facebook, baixar arquivos da internet e encontrar soluções no Google, pensei "é a minha versão daqui á 25 anos".

"Não desejo os velhos tempos de inacessibilidade. Quando estou conectada, posso ir a qualquer lugar, fazer e aprender qualquer coisa." (p.73)


E foi exatamente por esse seu "vício" de manter-se conectada, que ela se viu envolvida numa pesquisa on-line sobre casamentos.
Alice aceita a pesquisa sob a perspectiva de reexaminar sua vida conjugal de 20 anos. Através do anonimato ela torna-se a Esposa 22 e o designado para cuidar do seu caso torna-se Pesquisador 101.

Tendo em vista o anonimato, ela sente-se mais aberta a compartilhar seus sentimentos, as lembranças que guarda tão vividamente do inicio de seu relacionamento, detalhes íntimos de seu casamento, coisas que jamais compartilharia com um conhecido, coisas que guarda para si mesma.


"Uma vez, um entrevistado descreveu o ato de responder ás perguntas como "um descarrego". Creio que o Anonimato tem muito a ver com isso." (p.59)
"Acho que você tem razão. Quem diria que o anonimato poderia ser tão libertador?" (p.60)

Com o tempo a dinâmica entre os dois mudam e eles tornam-se mais íntimos. Porém, sabemos tudo sobre a Alice e praticamente nada sobre o Pesquisador 101. 
Alice e Willian mal se comunicam, por sua vez a Esposa 22 e o Pesquisador 101, falam-se diariamente e entre esses e-mails trocados temos flashback  de Alice quando mais jovem, quando conhece Willian, como se apaixona por ele...

"Comprido. É assim que eu o descreveria. Suas pernas mal cabiam debaixo da mesa.[...] Eu usava saia lápis e salto alto. Ele usava terno de risca giz e gravata amarela. Ele tinha a pele clara, mas seu cabelo liso era escuro, quase preto e ficava caindo nos olhos. Ele parecia Sam Shepard jovem: todo encolhido e pensativo."(p.48)

Esposa 22 é um chick-lit que abrange os problemas de um casamento desgastado, as relações familiares, o envolvimento da tecnologia no nosso dia-á-dia e até mesmo a dependência que desenvolvemos por ela.

O que mais gostei, foi o fato de envolver situações reais, do cotidiano de uma família com seus problemas e suas dificuldades.


O livro é narrado em primeira pessoa e uma narração divertida  e gostosa, me peguei várias vezes rindo das diversas situações.

A única coisa que me incomodou um pouco foi o tamanho das letras. Achei muito pequena e acabei ficando com dor de cabeça algumas vezes, o que tornou o inicio da leitura um pouco demorada (acho que necessito de óculos). Mas no meio do livro acabei me acostumando, e foi onde comecei á prever o final, fato que me fez devorar o livro mais rápido.

Fora esse pequeno incômodo o livro é perfeito. A capa é linda e a forma como é colocado os e-mails trocados, os post do facebook torna tudo muito familiar.

Para os amantes de chick-lit, Esposa 22 é mais que recomendado. E para quem não gosta, eu sugiro que deem uma chance.


Espero que tenham gostado da resenha.
Beijos

Título: Esposa 22
Autor(a): Melanie Gideon
ISBN: 9788580572414
Ano: 2012
Páginas: 400
Editora: Intríseca




45 comentários:

  1. Oi Eliana, tudo bem?

    Tenho uma amiga que me falou muito bem desse livro. Eu adoro Chick Lit, então acho que vou curtir bastante a leitura.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kel, tudo bem.
      Como você adora o gênero, vai gostar bastante do livro.
      Beijos

      Excluir
  2. Gostei bastante da resenha. Já li o livro e confesso que as letras miudinhas também me incomodaram. A Intrínseca as vezes lançam livros com letras miúdas, odeio isso. Só prejudica a quem já tem a vista prejudicada. haha Quando comecei a leitura também pensei a mesma coisa que você, afinal a leitura flui melhor quando a gente se identifica com os personagens.
    Vou te admitir que a protagonista me irritou um pouco com o pesquisador 101, mesmo adorando o final. rs Muita intimidade pra quem ela nem conhecia... tá, apesar que conhecia. Parei, vai que leiam o comentário né? e peguem spoiler. :x

    Beijos
    As minhas leituras - Lendo e Apreciando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As letras miúdas, só me fez perceber que preciso de óculos de descanso (no mínimo).
      Também fiquei incomodada com essa relação. Mas na metade do livro eu já previa o que seria e sempre torci para o Willian aheueahu.
      Melhor parar mesmo, pra ninguém pegar spoiler rs.

      Excluir
  3. Bom, em relação as letras pequenas, posso te falar que provavelmente você precisa de óculos porque foi exatamente o que aconteceu comigo. Muito tempo lendo e, se as letras fossem pequenas, eu tinha muita dor de cabeça e hoje eu uso óculos sem tirar pra nada! haha. No início foi uma porcaria me adaptar, passava mal, tinha enjoo e dores nos olhos, mas hoje não fico sem!!
    Adorei a resenha, você escreve muito bem. Até imagino como termina o livro, haha. Me interessou bastante!
    Um grande beijo
    http://rabiscosecenas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu percebi que querendo ou não vou precisar de óculos.
      Mas, eu quero apenas para leitura, não quero ficar dependendo do uso dele no dia-á-dia. Imagino como deve ser a adaptação :c
      Obrigada ^^
      O final é um pouco previsível mesmo rs.
      Beijos

      Excluir
  4. Oi Eliana ! Achei incrível sua resenha . Há tempos que tenho vontade de ler esse livro mas ainda não tinha criado coragem . Enfim , li poucos chick-lits mas gostei de todos que li , acho que é uma ótima aposta pra levantar o astral !

    Abraços flor , sucesso :)
    Dezenove--Primaveras.Blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá Eliana =)

    Eu sempre fiquei curiosa para ler este livro, mas nunca tinha visto uma resenha dele até agora. Adoro Chick-lit e este parece ser bem legal. Dica anotada =)

    Beijos,
    Livy
    No Mundo dos Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou!
      Vai adorar esse livro, já que gosta do gênero.
      Beijos

      Excluir
  6. hahaha acho que vou me identificar com esse livro, obrigada pela dica.. vou por na minha listinha *-*


    Tá rolando sorteio no blog, aproveita!
    Blog da Cristtine

    Fan page

    ResponderExcluir
  7. Para tudo que eu amei sua resenha *u*
    Esse livro parece ser muito bom, pelo visto uma história leve que faz o tempo passar rápido.
    Quero muito ler!
    beeijos
    http://masenstale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha ^^
      Ele é muito bom, recomendo a leitura.
      Beijos

      Excluir
  8. Ola
    fiquei interessada para ler esse livro, agora sei direitinho sobre o que ele fala, esses dias quase comprei ele mais por não conhecer a história desisti.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oie, tudo bom?
    Tenho esse livro há pelo menos um ano, mas não li ainda. Gosto de chick-lit, mas fiquei com receio dessa aproximação da protagonista com o cara da internet. Já li um livro com uma premissa parecida e não curti tanto. Mas, espero ler esse livro em breve.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa aproximação vai incomodar um pouco mesmo, mas leia, ao final não irá se arrepender.

      Excluir
  10. Tenho muita vontade de ler este livro, não costumo ler chick-list, mas esse me chama e muita atenção. Sem deixar de mencionar que as vezes é bom ler algo menos denso, mais leve. até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria uma boa escolha.
      Recomendo que experimente esse gênero.

      Excluir
  11. Oii! Tudo bom?
    Sempre que entro em algum blog, tem esse livro hahah
    adorei a resenha e agora to com vontade de ler!
    Beijos, http://umlivronaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Sempre vejo esse livro muito barato, um dia eu compro pra tentar entrar no mundo dos chicklits

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Compre.
      Vale muito a pena, é uma boa história.

      Excluir
  13. Olááááá!
    que delicia eu adoro Chic lits!
    eu ganhei esse livro do meu vendedor da livraria preferido! *---* lindo!
    estou louca para conferir! tmbém achei que nao iria me identificar!
    e será que nao vou ter a mesma relação que a sua?! a final tambem sou uma internauta de cartirinha!
    fiquei curiosa, espero poder conferir looooogo - a fila de livros está imeeensa!

    Um beeijo Lara.
    Blog Meus Mundos no Mundo | | Página Coração Furta-Cor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai se identificar com a protagonista, com certeza!
      Leia o livro assim que puder, vai gostar.
      Beijos

      Excluir
  14. Já me identifiquei com essa personagem kkkkk
    Adoro ler chick-lit e esse me pareceu ser bem legal

    Beijos
    Colecionando Primaveras
    Fan page

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viciada de carteirinha né? rsrs
      Leia o livro!
      Beijos

      Excluir
  15. Oi Eliana,
    Bom acho que nunca li um Chick-Lit, por isso não posso falar que não gosto desse estilo.
    Hahahah já imagino como seja o final, mas agora fiquei curioso e preciso confirmar isso! rsrsrs'
    Boa sorte com os óculos! rsrs

    Beijão
    Diego
    Literamúsicas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um pouco previsível, o que nos deixa com vontade de ver o desenrolar.
      E o livro ainda nos garante algumas risadas.

      Excluir
  16. Olá Eliana!
    Adorei sua resenha e sempre estou vendo comentários muito positivos sobre este livro. Eu adoro chick-lits, principalmente quando sei que a leitura é daquelas que te arrebatam! O livro já está na minha lista de futuras compras!

    Beijos
    http://estantedafer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Fer.
      Leia, que gosta de chick-lit com certeza vai adorar.
      Beijos

      Excluir
  17. A premissa do livro é bem interessante, Eliana. Não sei se leria pois não é o tipo de livro que estou procurando no momento. Mas já deixei a dica anotadíssima.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de setembro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando estiver querendo ler um livro do gênero é uma boa dica.

      Excluir
  18. Oiii, tenho este livro , mas ainda não li, :/

    Realmente as letras pequenas são muito ruins né, gosto quando a folha é grossa e a letra é maior, hehehe, se torna menos cansativo. Um beijo
    www.moradadolivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Oi, sabe que vivo pensando em pegar este livro quando entra em promoção de tanto que ouço e leio sobre ele. Mas fico na dúvida e acabo pegando outros... Odeio letras pequenas também porque dá a sensação que a leitura não rende e isso é muito chato!

    Beijos

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Ele sempre está em promoção mesmo e vale a pena comprar.
      Beijos

      Excluir
  20. Quase comprei esse livro, mas agora não lembro o motivo de não ter comprado. Parece ter uma história bem legal. Estou começando nos chick-lits agora e estou gostando, vou aproveitar que esse está quase sempre em promoção hahaha Beijos!

    http://frases-perdidas.blogspot.com.br/ (Tem sorteio rolando no blog, participa!)

    ResponderExcluir
  21. Oiii, tudo bem?
    Nossa eu sou A-P-A-I-X-O-N-A-D-A por esse livro, comprei em uma oferta sem dar nada, assim como você e nossa achei incrível. Não sou fã do gênero, mas esse livro vale a pena para qualquer pessoa, de qualquer idade, ele é lindo demais.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos.
    http://penacomtinta.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Muitos não dão nada por ele por causa do preço.
      Mas assim que iniciamos a leitura é impossível não se apaixonar!

      Excluir
  22. Ameii sua resenhaaa , muito bem detalhada e me deu uma super vontade de ler!! Será que você poderia da uma passadinha no nosso canal ?? É novo, e adorariamos se você compartilhasse sua opinião conosco fizemos nossa primeira resenha a pouco tempo !!! www.serendyzworld.blogspot.com.br/

    Bjoo e obrigada!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Obrigada, leia o livro!
      Vou lá fazer uma visita.
      Beijos

      Excluir
  23. Ótima resenha! Já tinha ouvido falar muito bem desse livro.

    ResponderExcluir